Anúncios

Um pouco sobre a Base Curricular


Base Nacional Comum Curricular

A Base Nacional Comum Curricular ( BNCC) foi lançada essa semana. Muito tem se falado, muitas críticas e elogios. Tenho um orgulho imenso de ter participado do processo.

A ideia geral da Base é dar uma Base para educação brasileira, proporcionando equidade para todos. Assim, o menino que estuda no Amapá pode ter as mesmas compentências que o do Rio Grande do Sul.

Vamos entender um pouquinho:

A Base não é de agora…

A Constituição Federal de 19888, em seu Artigo 205, determina que

a educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho (BRASIL, 1988).

Já lá em 1988, se discutia a ideia de uma  Base única para nortear o ensino.

serão fixados conteúdos mínimos para o ensino fundamental, de maneira a assegurar formação básica comum e respeito aos valores culturais e artísticos, nacionais e regionais” (BRASIL, 1988).

Veja bem, mínimos aqui não quer dizer minimizados ou inferiorizados. É uma base mesmo única onde se pode assentar todo o ensino do Brasil.

Já na LDB, no Inciso IV de seu Artigo 9o, afirma que cabe à União

estabelecer, em colaboração com os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, competências e diretrizes para a Educação Infantil, o Ensino Fundamental e o Ensino Médio, que nortearão os currículos e seus conteúdos mínimos, de modo a assegurar formação básica comum (BRASIL, 1996; ênfase adicionada).

Note que pelas datas, a discursão não é nova.

Como ficamos então..

Hoje em dia, as diretrizes são dadas pelo Estado ou Município ou mesmo pela Escola. O que acontece de fato, em quase todos os lugares é que é um salve-se quem puder: cada um faz como quer.

Isso dá um disparate entre o aluno da escola pública e particular, o da periferia e grandes centros. Agora, teremos um norte com conteúdos, habilidades e competências bem claras. Claro mantendo a diversificação de cada região.

A BNCC dá conta de 60% do ano letivo, os outros 40% serão tomando pelo que cada estado ou município achar relevante.

base3.jpg

As Competências…

Na BCNN podemos ver 10 competências norteadoras que darão o tom para cada Componente Curricular. Assim, foi o nosso primeiro desafio: diante daquele monte de conteúdos em cada Disciplina…o que realmente era importante?

Fazer uma “faxina”foi complicado. Desapegar daquilo que vivemos dando em sala… muito difícil. Mas entendemos que o importante são as competências e habilidades, nunca o conteúdo por ele mesmo.

bases4

Em PDF: bases2

Observe que todas as Competências podem ser  trabalhadas em cada área de conhecimento. Para tanto, devemos planejar bem em equipe nosso fazer em sala de aula.

Em tempo, entende-se por Competência: o conhecimento mobilizado, operado e aplicado em uma situação.

Só para pensarmos. Olhe para essa competência:

Exercitar a curiosidade intelectual e recorrer à abordagem própria das ciências, incluindo a investigação, a reflexão, a análise crítica, a imaginação e a criatividade, para investigar causas, elaborar e testar hipóteses, formular e resolver problemas e inventar soluções com base nos conhecimentos das diferentes áreas.

Será que é só de Ciências? Se fizermos um exercício básico veremos que existem habilidades que podem ser trabalhadas em outras áreas para ter essa competência.

  • Ler
  • Entender
  • Escrever
  • Classificar
  • Separar

Em que Componentes Curriculares podemos trabalhar essas habilidades que formarão tal competência? ( Estou listando algumas)

Desafio..

Estamos diante de um grande desafio.  Agora, vamos ter que implementar a Base, para mim o mais complicado.

Complicado porque nossa classe é muito resistente. Participei da construção da Base por um convite. Trabalho voluntário, sábado e domingo… Mas gosto disso.

Tem gente que não se envolve. O “não ganho para isso”, mas depois reclama que não foi consultado. Como se o MEC fosse bater na porta de cada um para consultar cada Professor. Não é assim. São os que querem mudança, mas desde que não mude o meu fazer.

A Base é importante para que a gente dê um primeiro passo para tirarmos nosso país da miserável posição que estamos no ranking mundial.

Só para se ter uma ideia em Ciências ( 2015) éramos o 63ª posição entre as 70 países. Se fosse futebol, estaríamos em uma crise séria. Vamos ter um apagão de mão de obra, vamos pagar caro ( já estamos pagando) por isso. Não podemos dissociar economia com educação. Sinto muito quem vive em outro mundo, mas é isso.

Finalizando…

Disponho mais algum material para reflexão. Se quiserem, podemos conversar mais.

base-curricular-1491515738480_615x716

 

Para ter acesso ao documento até o 9o ano do ensino fundamental:

BNCC

 

Anúncios
Sobre Andrea Barreto (1086 artigos)
Sou professora de Ciências e de Biologia em Escolas da Rede Municipal e Particular do Rio de Janeiro ( Brasil). Elemento de equipe da Educopédia / Rioeduca ( Secretaria Municipal de Educação - RJ)

Meu Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: