Por acaso ou não, essa propaganda apareceu para mim e vem corroborar a nossa noção desta geração nativa digital. Quase intuitiva, percebe como se usa esses gadgets. Estamos com ela, estamos educando essa geração para um mundo que não sabemos como será e esses meninos pedem nossa intermediação.

Veja até o fim e observe a carinha do menino. Essa é a mesma cara que nossos alunos fazem ao lidar com essa tecnologia, do tipo: não é óbvio?

Anúncios

Escrito por Andrea Barreto

Sou professora de Ciências e de Biologia em Escolas da Rede Municipal e Particular do Rio de Janeiro ( Brasil). Elemento de equipe da Educopédia / Rioeduca ( Secretaria Municipal de Educação - RJ)

Deixe uma resposta