Skip to content
Anúncios

Qual é o mal de premiar o Mérito?


Quando há uma copa do mundo, quais são as seleções premiadas? Quando acontece uma competição de vôlei, quais são os times premiados? Parece óbvio que os que merecem prêmios são os melhores, ao menos os que melhor desempenharam aquele atributo naquele momento. Mas o mérito é dado aos melhores.

Parece um caminho lógico, não é ? Não é ! 

Quando falamos de mérito para Professores essa lógica é pervertida. Somos uma categoria que se auto protege, quase inexplicavelmente. Tudo pode, nada pode ou quase tudo é possível.

Para não vermos o rei nu, quebramos o termômetro e fazemos uma geleia geral. Todos nós, Professores, somos categorizados de coitados e mal remunerados. Somos mal formados ( todos nós) e por fazermos um trabalho mais ou menos, somos mal remunerados. Ou por sermos mal remunerados, não temos tempo de nos aperfeiçoar e por isso… mal remunerados.

E os bons Profissionais ? Conheço muitos. Mas onde estão? Na geleia geral! Todos estamos em um mesmo barco e não separamos quem é quem. Conheço pessoas que não deveriam estar dentro de uma sala de aula, nem para dar avisos para alunos e estão lecionando. Conheço Professores que deveriam estar na Universidades formando Professores. Mas não podemos premiar por mérito esse profissional.

Os sindicatos da vida fazem pouco e nomeiam de Meritocracia o sistema que dá o mérito ao bom Professor. E o uso da palavra Meritocracia é feito com desdém.  Vale dizer que Meritocracia é (do latim mereo, merecer, obter) é a forma de governo baseado no mérito. As posições hierárquicas são conquistadas, em tese, com base no merecimento, e há uma predominância de valores associados à educação e à competência. Mas isso não pode!

Por quê? Porque somos uma classe que deve ser unida. Não há diferenças entre um profissional e outro. Não há possibilidade de um ser melhor que outro. Nada disso! Somos todos iguais e não há forma de se medir essa diferença. O que rola é um cooperativismo perverso. Sei bem do que falo, pois conheço profissionais que são maravilhosos na Rede Particular e promovem copias de livros na Pública. A razão é que na Particular pode ser mandado embora e na Pública, ganha seu salário independente do que faça em sala, basta estar em sala!

Ai? Ai o IDEB cai ou não sobe com deveria! Enquanto não pudermos premiar quem merece,seremos isso: os bons profissionais não serão reconhecidos e não terão voz!

FIQUE_ATENTO_-_BMP

Anúncios

Meu Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: