#SomosTodosMacacos: Você entende realmente o que é isso?


Um acontecimento  nos pegou essa semana: Um torcedor jogou uma banana no campo de futebol para o jogador Daniel Alves. Pura manifestação de racismo e com elegância o jogador pegou a banana,e, comeu!

Outro jogador brasileiro, Neymar, lançou a seguinte “hashtag” : Somos Todos Macacos. Que se espalhou feito vírus por todo canto. Eu mesma compartilhei e agradeci ao Darwin ( grande Darwin) por isso. Mas será que todos entenderam o que quer dizer isso?

Vamos lá para a evolução. 

Nossa filogenia  nos conta que somos realmente parentes. Nosso código genético é bem parecido. O ser humano e o chimpanzé têm 98 % de similaridade genética. É tão parecido que algumas doenças nossas, como o sarampo, podem contagiar os nossos primos chimpanzé. Outros parentes próximos são o Golrila e o Orangotango. 

chimp4

Mas se você acha que os macacos, como o Chimpanzé, são nossos ancestrais; para tudo.

Atualmente sabe-se que a espécie humana descende de uma família de primatas chamada Hominidae e, atualmente, é a única espécie desta que existe. Fósseis muito contribuem para documentar a história de um grupo e, com o auxílio destes, podemos confirmar que espécies deste grupo taxonômico habitaram várias regiões e épocas diferentes e que algumas espécies distintas da família coexistiram na mesma época.

Chimpanzés são hoje os parentes mais próximos da espécie humana, que divergiram de um mesmo ancestral há mais ou menos 125.000 anos atrás.

Assim, fica clara uma diferença básica entre o pensamento de Lamarck e Darwin: Lamarck acreditava que a complexidade dos seres seguia uma lógica linear e progressiva: do ser menos ao mais evoluído – este, no caso, o ser humano. Para Darwin, todas as espécies atuais seriam as mais evoluídas de suas linhagens e, nesta linha, nenhuma espécie vivente no momento seria mais ou menos evoluída que outra.

Veja a árvore abaixo:

arvore_filogenetica_cronograma

 

Então, agradeço ao Daniel Alves e Neymar pela oportunidade de falar em Evolução.

E agora: Somos Todos Macacos ?

Anúncios

2 respostas »

  1. Muito bom o texto. Me fez refletir de que forma nossos alunos estão entendendo Ciências? Apenas reproduzindo o que veem e ouvem sem fazer conexões com os saberes científicos? A Ciência para todos não deveria dar subsídios para que eles pudessem levar em conta não só as “modinhas” de muitas # (hashtag)?
    Ficam as dúvidas dessa professora de biologia!

    Curtir

Meu Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Anúncios
Andrea Barreto

Andrea Barreto

Sou professora de Ciências e de Biologia em Escolas da Rede Municipal e Particular do Rio de Janeiro ( Brasil). Elemento de equipe da Educopédia / Rioeduca ( Secretaria Municipal de Educação - RJ)

Links Pessoais

Visualizar Perfil Completo →

Follow Dicas de Ciências on WordPress.com
%d blogueiros gostam disto: