O que é ?

É uma resposta evolutiva recíproca entre populações. Quando essas duas populações estão interagindo, com o passar do tempo elas vão evoluindo em resposta às características da outra que afetam o seu ajustamento evolutivo (  Ricklefs)

Explicando melhor

Quando duas ( ou mais) populações evoluem de acordo com que a evolução da outra. Uma dá a resposta para outra, como conseqüência as duas populações evoluem.

Vamos dar exemplos?

Um dos exemplo que mais gosto é entre os polinizadores e as plantas. Uma orquídea do gênero Ophrys mimetiza  ( quer dizer se faz passar por) a fêmea de uma determinada espécie de vespa. Ou seja: a flor da orquídea fica ” com um jeitão” de fêmea da vespa. Os machos se sentem atraídos pela flor ( que exala o mesmo cheiro da fêmea) e vão lá acasalar. Assim, enganados pela flor, os machos se enchem de pólen e ao visitar outra flor da mesma espécie ( coitados, enganados também) fecundam a outra flor. Neste caso, a Flor evoluiu como a fêmea da vespa. A Flor mais parecida com a fêmea da vespa, em todos os sentidos, foram mais polinizadas, de reproduziram mais e passaram essa característica para a outra geração.

Outro exemplo maravilhoso é a relação entre a Acácia e uma espécie de formiga. A formiga usa a planta como abrigo. A planta tem espinhos grande no qual a formiga constrói o seu abrigo. Em troca, a formiga mantém o solo limpo de outras sementes e defende a acácia de outros animais.

Relação entre Parasitas e Hospedeiros

Na relação entre os parasitas e hospedeiros também ocorre a Coevolução. Cada vez que os hospedeiros ficam mais resistentes aos parasitas, estes arrumam uma maneira de burlar as defesas do hospedeiro e infectar novamente.

Veja as gripes sazonais: Um grupo de pessoas fica doente. O vírus da gripe está infectando esse grupo. Porém, a defesa do corpo de uma parte deste grupo arruma um
jeito de não deixar o vírus atacar. Essa parte do grupo está imune. Mas o vírus muta e ai volta a infectar essa parte da população. Então, o corpo tem que arrumar outra maneira de se defender deste vírus. E assim vai!

Anúncios

Escrito por Andrea Barreto

Sou professora de Ciências e de Biologia em Escolas da Rede Municipal e Particular do Rio de Janeiro ( Brasil). Elemento de equipe da Educopédia / Rioeduca ( Secretaria Municipal de Educação - RJ)

13 comentários

  1. Bem, a temática do blog é incrível. Recentemente, eu e um grupo de amigos criamos um blog com um pensamento parecido: divulgar a conhecimento pára jovens.

    http://portalcognoscere.wordpress.com/

    Quem sabe podemos ser parceiros?

    Responder

  2. amei as dicas do blog!! pra mim como professora foi bastante valido.

    Responder

  3. Graça Souza 13/11/2012 às 17:52

    amei o blog! sou estudante de Ciências Biológicas, isso foi bastante favorável a mim.

    Responder

  4. show de bola mano. vou até postar no meu facebook o lance da orquídea haha

    Responder

  5. Andrielle Naiara Silva Costa 01/04/2013 às 14:38

    Achei bem legal, aprendi + do que lendo o capitulo do Livro A economia da Natureza co Ricklefs.

    Responder

  6. mateus paulo 24/04/2013 às 00:18

    Muito legal, o interessante é que a coevolução está mais relacionada com ecologia do que com a própria evolução.

    Responder

    1. Está tudo relacionado, Mateus.
      A Evolução e a Ecologia estão super relacionadas.
      Beijos

      Responder

  7. adao makambo 25/11/2013 às 10:17

    resumido! mas dá um jeitinho a quem quer ter principios basicos

    Responder

  8. Carlos Henrique 04/05/2015 às 17:39

    Muito bom mesmo, precisa desta definição
    sobre coevolução e de um exemplo como este de parasita e hospedeiro.

    Responder

  9. Muito bom!

    Responder

  10. Muito bom! Bem explicado e objetivo!

    Responder

  11. Vestibulando1000 07/08/2017 às 22:43

    òtima didática, parabéns pelo site!

    Responder

Deixe uma resposta