Esse post é para os alunos do Colégio don Quixote. Estamos entrando em um novo tópico de aula, para a verticalização. Então, vamos ver um pouco mais sobre as bactérias e a higiene ?

Quem tiver coragem que me siga …

Como anda a cozinha de sua casa ? Saiba que ela pode se tornar um foco de bactérias, tipo um hotel 5 estrelas! E isso não é bom ! Isso é muito ruim.

A cozinha pode estar limpinha aos seus olhos e aos meus também, mas as bactérias são microorganismos microscópicos e a gente não pode ver onde elas se escondem. Um bom lugar de começarmos é pela pia da cozinha. Se na sua casa tem uma latinha de lixo em cima da pia, pronto… na sua cozinha já há um “criadoro de bactérias”. Na pia é onde estão garfos, copos, colheres, facas, panelas, pratos… alimentos recém lavados, já prontos para comer, ou recém saídos da geladeira. E junto com isso tudo, se somarmos a lixeira , estamos colocando a disposição das bactérias tudo que elas “gostam” para crescerem: alimento, umidade, poros da pia para ficar…

Lixeira tem que ficar no chão, com pedal e forrada de saco plástico !

Outro lugar “maneiro” para as bactérias é a esponja. A esponja é o local número 1 da casa para encontrarmos esses seres unicelulares. Em uma analise em laboratório, uma gota retirada da esponja tem 450 milhões de bactérias de origem fecal. Então, o mesmo apetrecho que usamos para higienizar copos, pratos, panelas e talheres; pode ser uma grande cultura de bactérias altamente nocivas para a gente.

O que fazer ? Desinfete, todos os dias a esponja da sua casa com uma solução de um litro de água corrente e duas colheres de sopa de água sanitária. E lembre-se que a vida útil de sua esponja não pode passar de 7 dias.Depois de 7 dias… babau … adeus esponja !

Desde modo podemos sossegar, pois não estamos “criando bactérias na cozinha”.

Anúncios