Drogas ? Para quê ?


Aqui está um tema que tem que ser muito trabalhado nas Escolas : Drogas …

O que é isso ? Por que tanta gente embarca nessa ? Por que pessoas informadas ainda se drogam ?

Bom, acho que não vamos esgotar o assunto somente em um Post! Mas vamos lá ?

Para começar, o papo sobre drogas tem que ser um papo. Parece que estou dando voltas, mas já explico: fazer uma apologia contra drogas, dizer que é ruim, que pode matar, que… sei lá mais o quê, é quase chover no molhado. Temos que conversar… manter um diálogo. Então, usem os comentários para deixar as perguntas que porventura fiquem no ar…

O que são drogas ?

Droga é toda e qualquer substância, natural ou sintética que, introduzida no organismo modifica suas funções. As drogas naturais são obtidas através de determinadas plantas,de animais e de alguns minerais. Exemplo a cafeína (do café), a nicotina (presente no tabaco), o ópio (na papoula) e o THC tetrahidrocanabiol (da maconha), álcool,…

As drogas sintéticas são fabricadas em laboratório, exigindo para isso técnicas especiais, como o Êxtase (Ecstasy).

O termo droga pode ser usado de diversas maneiras. Por exemplo, os remédios para dor de cabeça são considerados drogas. Você não vai a Drogaria para comprar remédios ? Então?!?

Mas existem substâncias alucinóginas, que fazem com que o cérebro funcione desordenadamente. Deixam aquele barato, a viagem… Mas é só isso ? Não.

As drogas podem ter um efeito muito ruim em seu corpo ( como no fígado e no cérebro) e em sua vida social. Muitos viciados em droga acabam largando tudo: escola, trabalho, amigos e família; para consumir a droga.

Como agem as drogas ?

Primeiro, vamos lembrar como um neurônio transmite uma informação para outro. Pense em um fio, que é formado por vários neurônios ( células do sistema nervoso), um atrás do outro. Um neurônio deste nosso “fio”é ativado por um estímulo, ele vai liberar uma certa substância química – chamada de neurotransmissor– que vai se ligar ao outro neurônio “da fila” e vai ativá-lo. Esse segundo neurônio, libera neurotransmissor para o próximo e assim vai. O neurotransmissor para ativar o neurônio tem que se ligar a ele, como uma chave na fechadura. A nossa chave é o neurotrasmissor e a fechadura são os receptores.

As drogas ativam esses receptores e agem como se o travassem. O neurônio não “gosta da brincadeira ” e reage, produzindo mais receptores. Mas a droga dá ao cérebro uma recompensa ( um presente de Grego), e , dependendo da Droga a pessoa tem uma sensação de prazer imenso, uma paz,… Então, o neurônio “fabrica ” mais receptores, e, a Droga se liga a esses novos receptores. A fechadura fica travada e novamente o neurônio reage, formando mais receptores.

Acontece, que quanto mais receptores mais droga o cérebro necessita. E se diminui o quantidade de droga , o cérebro reage e o corpo sente. É a sintrome de abstinência.

O que é sintrome de abstinência?

É quando o corpo e o cérebro sentem a falta da droga. É como se o corpo lhe fala-se: “olha se você não me der a droga, eu vou reagir e a coisa vai pegar.”

A pessoa fica ansiosa, agressiva, com medos , tem suores, vomita, …

Uma viagem sem volta ..

Lembra que o cérebro precisa cada vez mais de drogas para ser recompensado? Depois de um tempo, o cérebro da pessoa dependente só fica mais ou menos legal com um nível cada vez maior de drogas. Pronto aqui está o Dependente. E se o cara “der mole”- o que é muito fácil, pois a pessoa já não é dona de si mesma-, ele pode entra em Overdose. Ou seja , o corpo não consegue lidar com aquela quantidade enorme de drogas e pifa. O coração para, os pulmões não absorvem mais o oxigênio, os rins param, o fígado morre e … a pessoa pode acabar morrendo.

Mas , por que a pessoa entra nessa ?

Ai que está ! Por quê ? Primeiro, porque quer agradar o grupo de amigos, a galera. Pois a pessoa que geralmente oferece a primeira droga é um amigo ( isso é estatístico). E lembre-se que existem as drogas lícitas, que são vendidas em qualquer lugar como o cigarro e as bebidas alcóolicas. Essas têm os mesmos efeitos danosos que as outras.

Em uma certa idade, o grupo é importante. Dizer “não” é confiar que você sabe muito e se gosta muito para ficar longe daquilo. E também não vale se incomodar com as observações “sábias deste povo”, do tipo: “Ah.. você é o único que vai ficar careta ?” ou “Uma vez só não vicia!!!”

E é aqui que está o segundo ponto: sabemos que o adolescente se acha quase um super-herói. Com ele não vai acontecer! Pode acontecer com o vizinho, mas “nunca comigo”. Acontece que tem gente que no primeiro baseado já entra no processo do cérebro querer mais ( lembra dos receptores travados?). E entra na dependência. Tem gente que só vai entrar depois do décimo ou vigésimo baseado. E não vale testar, não é mesmo?

E a droga dá uma sensação boa, relax e legal. Se não ninguém nem provava. É como uma ratoeira, que chama o ratinho pelo queijo – que é bom – e depois … “babau”! Por isso a palavra de ordem é dizer “não”! Fique fora desta .

E por último pense nisso: “A mais profunda raiz do fracasso em nossas vidas é pensar: Como sou inútil e fraco. É essencial pensar poderosa e firmemente: Eu consigo, sem ostentação ou preocupação.”(Dalai Lama)

Se goste, se ache importante, se ame… aqui está o início de tudo na vida !

Para saber mais : Site antidrogas

Anúncios

5 respostas »

  1. gostei da postagem ;vcs podem de mandar mais postagens para jovens sou educadora soial e preciso de temas de dinãmicas para ser trabalhao com jovens.

    Curtir

  2. Olá amiga!
    Muitíssimo interessante, útil e significativa essa tua postagem sobre drogas, mas tenho que concordar que apenas este post nos deixa com ‘água na boca’, né?!
    Conhece o livro da Martha Reis chamado “Completamente Química”?!No volume 3 dele tem inúmeras informações sobre drogas!É claro que envolve muito mais o lado químico da coisa, digamos assim, mas vale a pena dar uma conferida!
    Abraços querida!
    Sempre um sucesso teu blog!!

    Curtir

Meu Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Anúncios
Andrea Barreto

Andrea Barreto

Sou professora de Ciências e de Biologia em Escolas da Rede Municipal e Particular do Rio de Janeiro ( Brasil). Elemento de equipe da Educopédia / Rioeduca ( Secretaria Municipal de Educação - RJ)

Links Pessoais

Visualizar Perfil Completo →

Follow Dicas de Ciências on WordPress.com
%d blogueiros gostam disto: